#FuiAlém: Júlia Costa Reis em Joinville, Santa Catarina

Ativar o modo viajante na própria cidade também é legal. Moradora de Joinville, em Santa Catarina, a designer Júlia Costa Reis, 26 anos, conta o que gosta de fazer quando recebe amigas de fora.

“Eu gosto de morar aqui, Joinville é grande mas ainda tem alma de cidade pequena. Todo mundo se conhece, não tem muito trânsito. Umas amigas de São Paulo e Salvador vieram me visitar recentemente e eu fiz o seguinte roteiro com elas:”

Para quem gosta de café

O que fazer em Joinville

Aqui tem muitos cafés bons. O meu favorito é a Doce Beijo, que tem duas unidades na cidade e é 100% joinvillense. Eles vendem também vários chocolates finos e cookies. Outro que eu curto bastante é a Ah! Cucaria. Como o nome indica, é especializado em cucas tradicionais alemãs.

Tem de sabores como maçã, banana, nutella. Minhas amigas de Salvador não costumam comer doces alemãs e amaram – até pensaram em levar para lá.

Por fim, tem o Fiorello, que abriu faz pouco tempo. O bacana é que além de servir ótimos cafés, eles também estão preparados para explicar sobre cada tipo e grão. É uma experiência bacana para quem gosta da bebida.

Fiorello. R. Expedicionário Holz, 167 – América.

Doce Beijo. R. Aquidaban, 330 – Glória.

Ah! Cucaria. R. Lages, 626 – sala 8 – Centro


Para quem gosta de arte

O que fazer em Joinville

Desde 2014 temos o Instituto Juarez Machado. O artista nasceu em Joinville e foi consagrado mundo afora, mas prometeu que quando fizesse sucesso iria abrir um instituto como presente para a cidade, e assim o fez. O espaço fica onde era a antiga casa da mãe dele, e é legal que tem até uma simulação de como eram os cômodos na época em que vivia lá e várias obras antigas.

Tem um anexo onde rolam várias exposições diferentes. É um espaço para a cidade discutir arte. Apesar de não ser muito grande, dá para perder horas lá, pois as obras são muito interessantes. Ah, e anexo ao museu tem uma unidade da Doce Beijo para fechar com chave de ouro a visita.

O que fazer em Joinville

Instituto Juarez Machado. R. Lages, 994 – América.


Para quem gosta de produtos locais

Além de ter uma paisagem bonita, a estrada do Rio da Prata tem uma lanchonete que vende o pastel mais conhecido da região. O meu favorito é o de banana com chocolate branco, mas tem de vários sabores. Por lá também dá para comprar produtos locais como mel, queijo e cachaça artesanal.

O que fazer em Joinville

Lanchonete Rio da Prata. SC-418, 6 – Pirabeiraba, Joinville.


Para quem gosta de ver a cidade do alto

O que fazer em Joinville

Quando faz sol, o programa do joinvillense é ir ao mirante da cidade. Por muitos anos o lugar ficou fechado para reforma, então o pessoal aproveita. É muito bom para fazer exercícios também (dá para ir de ônibus, mas é gostoso ir andando). No caminho, é bem possível que você encontre macaquinhos. A vista do alto é incrível, dá para ver até a Baía da Babitonga. Vale a pena.

O que fazer em Joinville


Para quem gosta de comprar lembrancinhas

O que fazer em Joinville

O pórtico de entrada de Joinville tem todo o estilo alemão e é onde o pessoal tira foto e compra lembrancinhas da cidade. Ao lado tem um moinho onde hoje funciona o restaurante Opa Bier, marca local de chope e cerveja artesanal. Eles vendem também vários kits preparados para levar de presente.

Opa Bier. Rua XV de Novembro, 4315, Glória.


Sobre a viajante:

Júlia Costa Reis é designer gráfico e produtora de conteúdo do perfil @2BeeKind no Instagram e Youtube. Apaixonada por criar, viajar é seu maior combustível na busca de novas referências para os seus projetos (e para a vida).

Viajar bem, para mim, é poder aprender um pouquinho de cada novo lugar e voltar pra casa com a certeza de que não sou mais a mesma de quando saí.

Tagged , , , ,