Piscininha, amor: piscinas naturais no Brasil para relaxar

 

Muito calor por aí? Nada melhor do que se refrescar com uma boa piscina, né? Melhor ainda se for uma natural, seja do mar ou de cachoeira! Reunimos algumas piscinas naturais pelo Brasil para você ver qual é a mais próxima de você – ou colocar no roteiro das próximas viagens!

Importante lembrar que para curtir piscinas naturais é importante que a maré não esteja alta, então não deixe de checar a tábua de marés antes de seguir para o passeio.

Porto de Galinhas – Pernambuco

 

O que fazer em Porto de Galinhas

Localizada no litoral sul do estado, o que não faltam na região são piscinas naturais e, claro é fácil encontrá-las. Um trajeto de jangada de 5 minutos saindo da Praia da Vila, por exemplo, que fica no centro, já leva para uma das mais populares. As águas tranquilas e transparentes fazem do local um verdadeiro aquário, então, além de relaxar, se você tiver um snorkel, vai conseguir  ver muito peixinhos.


Salinópolis – Pará

 

piscinas naturais
Foto: Kleydson Oliveira/Divulgacao

Na região, vale a pena conhecer a Praia do Atalaia, a cerca de 200 km de Belém. Bastante visitada no verão, tem estrutura com quiosques e barracas que servem pratos da culinária local.

Rodeada por dunas de areia fina e branca, é importante checar a maré para encontrar as piscinas naturais, que aparecem quando está baixa – do contrário, forma ondas que agradam surfistas.

 


 

Maragogi – Alagoas

 

maragogi piscinas naturais brasil
Foto: Salinas Maragogi

No litoral norte do estado, a 125 quilômetros da capital Maceió, a região é quase que sinônimo de piscina natural. As galés ficam a cerca de 6 km da costa e impressionam pelas águas cristalinas. Não à toa, recebe diariamente catamarãs cheios de visitantes que querem boiar na calmaria e ver peixinhos.

Para aproveitar ao máximo o programa, o ideal é que a maré esteja próxima de zero – em épocas de luas nova e cheia é praticamente certo que as condições serão boas.


João Pessoa – Paraíba

 

piscinas naturais
Foto: Turismo Paraíba

Outro lugar brasileiro bastante comparado com o Caribe são as piscinas naturais do Seixas, que ficam próximas da Praia da Penha, na capital paraibana. As águas são mornas, cristalinas e variam de 1 a 3 metros de profundidade – boas para relaxar e mergulhar. Se der sorte, vai encontrar diversas espécies de peixes, algas moluscos e até tartarugas marinhas.


Veja também: Na natureza selvagem – as piscinas naturais da Guatemala


Lençóis Maranhenses – Maranhão

 

piscinas naturais
Foto: Fábio Hanashiro

Não dá para negar que as lagoas formadas entre as dunas dos Lençóis parecem piscinas de tão calmas e paradisíacas que são. O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses possui 155 mil hectares inseridos em 3 municípios: Barreirinhas, Santo Amaro e Primeira Cruz. Para se refrescar nas águas cristalinas, a melhor época para ir de maio a agosto, quando chove mais na região.


Paraty – Rio de Janeiro

 

piscinas naturais brasil
Foto: Alexsandre Almeida

A cidade não chama atenção apenas pelo charme do centro histórico: suas praias e cachoeiras valem a visita. Não deixe de conhecer a Praia do Cachadaço e a piscina natural que leva o mesmo nome e fica entre grandes pedras.

Dá para chegar lá por meio de uma trilha de meia hora ou de barco a partir da Praia do Meio. Melhor ir durante a semana para curtir o cenário sem muita gente.


Lavrinhas – São Paulo

 

lavrinhas piscina natural
Foto: Ricardo Takamura

A cerca de 230 km da capital paulista, a cidade conta com boas opções para quem curte natureza, especialmente cachoeiras. Vale a pena visitar a Cachoeira da Pedreira e o Poço Azul – essa última com acesso mais complicado, mas recompensador. Ambas têm piscinas naturais de águas cristalinas e cor azul-esverdeada.

Tagged , , , , , , , , ,