Top 7 destinos para esquiar na América do Sul em julho

Quem gosta de frio e de esporte de inverno muitas vezes idealiza destinos intercontinentais para suas viagens. Mas não é preciso ir muito longe para esquiar. A seguir, conheça os 7 melhores destinos para se aventurar na neve sem precisar ir muito longe.

Onde esquiar na América do Sul?

Diferentemente do hemisfério norte, a temporada de neve nos países localizados mais ao extremo sul do planeta começa a partir de julho. E é justamente nesse mês que as crianças estão de férias da escola, o que, dessa forma, acaba sendo uma boa oportunidade para levar a família toda para praticar esqui.

Bariloche – Argentina

Quando perguntam onde esquiar em julho na América do Sul, é impossível não pensar no tradicional reduto de Bariloche, na Argentina. É lá que fica a estação Cerro Catedral, uma das mais procuradas por quem curte praticar esqui.

O local possui pistas de diferentes níveis de dificuldade. Então, se você nunca esquiou, pode ficar tranquilo que lá vai ter uma pista para iniciantes.

 

bariloche

foto: Federico Persiani

Valle Nevado – Chile

Da Argentina para o Chile, outro destino que está entre os melhores lugares para esquiar na América do Sul é a estação Valle Nevado. Considerada uma das maiores do nosso hemisfério, a estação possui mais de 20 quilômetros de pista. Ela está localizada a cerca de 3.000 metros de altitude, bem nos Andes chilenos.

Villa la Angostura – Argentina

Para quem quer saber onde esquiar em julho na América do Sul, o centro de esqui Cerro Bayo é uma boa opção. Ele fica localizado na cidade argentina de Villa la Angostura, entre Bariloche e San Martin de los Andes. Em Cerro Bayo, os visitantes encontram uma excelente estrutura de atendimento e 23 pistas que se espalham por 14 quilômetros.

La Parva – Chile

La Parva é um vilarejo localizado a cerca de 50 quilômetros de Santiago, capital chilena, em plena Cordilheira dos Andes. A aproximadamente 2.800 metros de altitude, La Parva conta com uma área para esqui de 38 quilômetros dividida em 30 pistas e é um bom lugar para onde esquiar na América do Sul. A infraestrutura do local oferece pousadas e cabanas para os visitantes, além de bares, restaurantes e mercados.


Veja também: Bruno van Enck no Deserto do Atacama: neve, (muitos) vinhos e pedido de casamento


Portillo – Chile

Portillo também configura entre os principais destinos para esquiar. Partindo de Santiago do Chile de carro, você vai demorar cerca de duas horas para alcançar a mais antiga estação de esqui da América do Sul.

Além da neve de muita qualidade, Portillo conta também com uma ótima escola de esqui e de snowboard. Assim, quem é iniciante nesses esportes pode se aventurar por três pistas bastante seguras: a de El Corralito, a de El Puma e a de La Princesa.

Já as pistas El Condor e La Roca Jack são para esquiadores em nível mais avançado. Portanto, independentemente de sua habilidade de esquiador, todos podem se divertir muito em Portillo.

Pucón – Chile

Outro destino para quem procura onde esquiar na América do Sul é a cidade de Pucón, que fica no sul do Chile. A estação de Ski de Pucón possui uma excelente infraestrutura: conta com hotéis e vários serviços de alta qualidade. Por estar próxima de vulcões, a região oferece áreas com águas termais para quem quer relaxar depois de esquiar nas 20 pistas do local.


Veja também: O que levar na mala para um destino com neve


Caviahue – Argentina

Quer saber onde esquiar na América do Sul na ladeira de um vulcão? Então você precisa ir para Caviahue, situada na Argentina. O vulcão em questão é o Copahue. O local faz parte de uma área de conservação de araucárias e conta com uma belíssima paisagem natural. São nada menos que 20 pistas espalhadas pelos 25 quilômetros de área esquiável. E há diversas opções de hospedagem bem próximas ao local.

Essa foram as nossas 7 dicas de onde esquiar em julho na América do Sul. Se você ficou com vontade de viajar para um desses lugares, não deixe de comprar a sua roupa para esquiar – precisa ser resistente a baixas temperaturas para que possa aproveitar ao máximo o seu passeio.

E, claro, malas com espaço suficiente para você levar tudo o que precisa. Conheça aqui a nossa linha de malas cheias de funcionalidades nos tamanhos Cabine, Check-in M e Check-in G!


Você encontra mais dicas de viagem no guia além.

Tagged , , , , ,