Trouxe na mala: as lembranças de Ricardo Braz

 

O fotógrafo carioca Ricardo Braz vive viajando para lugares exóticos. Só no último ano, esteve em países como Botsuana, Chile e Guatemala. Todas as viagens têm algo em comum: na mala de volta, só as roupas e acessórios que embarcaram com ele na ida.

 

“Normalmente não trago souvenirs de viagem. Sou adepto da filosofia ‘colecione memórias e não bem materiais’. No meu caso, minhas memórias são fotografias que me teletransportam de volta ao lugar. Mas, claro, é inevitável trazer uma lembrancinha para guardar de recordação”, conta.

 

Essas são algumas de suas favoritas:

 

Islândia – Nota de 500 Kronas

lembranças de viagem

 

Já visitei o país duas vezes e sou completamente apaixonado. Para o amante da fotografia, a ilha é o paraíso com diferentes cenários como vulcões, geleiras, icebergs, cachoeiras, cavernas, entre muitos outros. Já visitei tanto no auge do inverno para ver aurora boreal, quanto no auge do verão para viver o sol da meia noite. Foram duas experiências incríveis, porém completamente diferentes! Será, com certeza, meu primeiro destino a visitar depois da quarentena global. A nota de 500 kronas equivale a aproximadamente 3,5 dólares.

 

lembranças da islandia

 


Ilhas Faroé – Porta copos da cervejaria local

lembranças ilhas faroe

 

Em maio de 2019 tive a oportunidade de visitar o país a convite do governo local para produzir um filme de viagem com dois grandes amigos. Foi sem dúvida uma das melhores viagens da minha vida. O pequeno país, um arquipélago de 19 ilhas com menos de 50.000 habitantes entre a Noruega e a Islândia, é ainda bastante remoto e pouco conhecido como destino turístico – o que torna a linda paisagem ainda mais linda! Alguns fatos curiosos: o número de ovelhas é 2x superior ao de pessoas, nenhum ponto do país fica a mais de 5km do mar e só existem 3 sinais de trânsito em todo o país.

Esse porta copos é de uma cervejaria mais tradicionais do país, a Mikkeller Tórshavn, que fica em uma casa construída há mais de 500 anos bem no coração da cidade!

 

lembranças ilhas faroe


Bolivia – ticket de entrada à Isla del Sol

Essa foi minha ultima viagem antes de comprar uma câmera – depois de ver tanta beleza tanto no país quanto nos vizinhos Chile e Peru, decidi que queria fotografar com uma câmera melhor.

 

lembranças bolivia

 

A Ilha do Sol fica localizada no lago Titicaca, 4 mil metros acima do nível do mar. É possível fazer um bate-volta da cidade de Copacabana e visitar a ilha em um dia – o recomendando é fazer a travessia de norte a sul (ou vice-versa) que dura em média 6 horas – ou dormir uma noite em uma acomodação local. A ilha é incrivelmente fotogênica e os locais são muito simpáticos, logo, recomendo muito esse passeio! O ticket de entrada, esse da foto, custa aproximadamente 30 reais com o transfer de barco incluso para ir e voltar de Copacabana (1hr e 30).

 

lembranças da bolivia


Myanmar – tampa da cerveja local

lembranças myanmar

 

Fechado ao turismo até 2011, Myanmar (ou Burma) é um daqueles lugares que parece que pararam no tempo. Por isso, viajar em Myanmar não é tão simples quando comparados a seus vizinhos Tailândia, Malásia e Laos. A infraestrutura voltada ao turismo está evoluindo aos poucos, mas ainda deixa muito a desejar – o que faz a locomoção e experiência dentro do país uma aventura por si só.

Por outro lado, é possível observar a vida local ainda intocada e o antigo modo de viver da população. Algumas das experiências mais incríveis no país são explorar Bagan, uma cidade antiga com mais de 1000 templos e visitar o lago Inle, um dos corações do país e berço da cultura local.

 

myanmar 2

 

Eu trouxe a tampa da cerveja chamada Myanmar, que é a mais consumida no país e, surpreendentemente, cara comparada ao resto dos custos nos país. É possível comprá-la por cerca de 2 dólares, quando um prato de noodle ou sopa pode custar somente 1 dólar em restaurantes locais.


Tailândia – certificado de tatuagem Sak Yant

 

certificado tatuagem thailandia

 

Um dos meus destinos preferidos na Ásia, a Tailândia é um país com muitas paisagens diversas, desde praias paradisíacas a templos e montanhas – perfeito para a fotografia. Na minha primeira vez no país, em 2016, fiz uma tatuagem Sak Yant. As Sak Yants surgiram no Cambodia, quando guerreiros acreditavam que as tatuagens tinham poder de proteção nas guerras e rapidamente a tradição de espalhou pelo sudeste asiático.

 

thailandia

 

As tatuagens são feitas com um longo bambu com uma agulha na ponta e cada desenho tem um diferente significado, dessa forma existem inúmeros designs de Sak Yant. Somente monges ou Ajarns (mestres de tatuagem) podem fazer a tatuagem e “dar a bênção” ao tatuado. Na minha quinta visita ao país, em 2019, fiz mais uma!

Alguns estúdios tradicionais dão esse certificado como memória.

 


Tibete – ticket de entrada no templo de Jokhang

 

lembranças do tibete

 

Viajar para o Tibete é como viajar no tempo. Com uma história terrível de dominação por parte dos chineses, o povo tibetano é altamente religioso e fiel às suas raízes. Berço de Dalai Lama, o país é conhecido como “o teto do mundo”, a média de altitude do país é acima de 3.500m acima do nível do mar, já que a cordilheira do Himalaia – inclusive o Monte Everest – está presente em grande parte de seu território.

 

tibete

 

Para visitar o país e necessário contratar uma empresa de turismo local para conseguir uma carta de autorização e você deve seguir o roteiro estabelecido por eles. Tudo é feito sob vigia da polícia – não é permitido sair sem o guia. Uma das melhores aulas de história vividas em práticas que já tive!

 

lembranças tibete

 

Esse ticket é do templo de Jokhang, considerado pela maioria dos tibetanos como o mais sagrado e importante do Tibet. Ele é localizado na praça principal da capital Lhasa e foi construído no século 7.

 


Sri Lanka – Nota de 20 rúpias

 

Sempre que me perguntam os meus “top 3” países que já visitei, tenho que incluir o Sri Lanka na lista. Planejava visitar o país por 2 semanas e acabei estendendo para 1 mês e só fui embora porque o visto expirava e o processo de extensão é complicado e demorado. Tive, sem dúvidas, uma das melhores experiências de viagem da minha vida.

lembranças sri lanka

 

O povo é extremamente simpático, educado e receptivo. As paisagens são de tirar o fôlego – em 3 horas é possível sair de uma praia de areia branca com água cristalina e ondas perfeitas e chegar no topo de uma montanha coberta com plantações de chá acima do nível das nuvens.

Além disso, é possível fazer safaris incríveis no país, que conta com uma grande população de elefantes e leopardos, visitar cidades históricas e mundialmente reconhecidas como destino religioso e fazer trilhas para chegar em cachoeiras incríveis.

 

lembranças sri lanka

 

O melhor de tudo: é um destino extremamente barato! 20 rúpias equivalem a aproximadamente a 50 centavos de real.


Veja mais: Trouxe na Mala: As lembranças de Alexandre Disaro


Você encontra todo o conteúdo que estamos publicando sobre viagens em tempos de coronavírus aqui.

Tagged , , , , , , , ,