6 dicas para acertar no airbnb

6 dicas para acertar no Airbnb, por Debbie Corrano

Nômade digital desde 2014, a estrategista e produtora de conteúdo conta o que faz para não errar na hora de reservar um imóvel pela plataforma

05/ago , 2020

 

A cada três meses, a estrategista e produtora de conteúdo digital Debbie Corrano muda de país, o que significa que ela está quase sempre em busca de sua próxima casa no Airbnb. Debbie tornou-se uma nômade digital em 2014, quando percebeu que seria possível trabalhar em qualquer lugar enquanto conhecia o mundo. Desde então, já morou em 22 países e reservou mais de 30 imóveis pela plataforma – sempre acompanhada pela Lisa, sua cachorrinha.

A seguir, ela dá dicas para acertar na hora de reservar um lugar incrível no Airbnb, seja para curta ou longa estada!

 

6 dicas para acertar no airbnb

 

1) Conseguindo descontos

“Sempre envio uma mensagem de apresentação, pergunto se o lugar está disponível pelo tempo que eu preciso e se aquele é o preço final. Às vezes, o dono do imóvel percebe que vale mais a pena mantê-lo ocupado por mais tempo comigo, que já tenho avaliações positivas, do que correr o risco de ficar com ele vazio. Eu já consegui até 60% de desconto em uma reserva por ela ser mais longa.”


2) Viajando com Animais

“O Airbnb tem um filtro pet friendly, mas muitos donos de imóveis sequer sabem disso. Como eu procuro lugares para longas estadas, eu não ativo esse filtro, mas leio os anúncios para saber se há alguma restrição sobre receber animais.

Caso não, eu envio uma mensagem simpática contando um pouco sobre mim, digo que tenho uma cachorrinha e peço para que leia as avaliações do meu perfil, que são positivas. Se você vai passar mais tempo no imóvel, é uma vantagem competitiva e as pessoas acabam aceitando você e o seu bichinho.”

 

6 dicas para acertar no airbnb

Lisa em Zagreb

Veja também: Viajar com cachorro e gato de avião – veja as regras para levar seu pet


3) Plataformas de reserva

“Há sites locais e grupos de Facebook com imóveis anunciados, que no caso da Alemanha, que é onde eu moro, podem valer a pena. Aqui em Berlim os aluguéis no Airbnb têm uma taxa alta, o que encarece a reserva.

Porém, eu prefiro sempre fechar pelo Airbnb, que é uma plataforma mais segura e com reviews dos imóveis.”


4) Opiniões dos viajantes

“Os reviews, aliás, são MUITO importantes! Recomendo ler todas as avaliações antes de fechar a reserva para não ter surpresas. Eu só alugo uma casa se ela tiver diversas opiniões positivas de pessoas que já ficaram hospedadas nela.”


hospedagens fora do comum monte verde

Veja também: Nem casa, nem hotel: hospedagens fora do comum no Airbnb pelo Brasil


5) Fotos reais

“Cuidado com fotos tiradas com lente olho de peixe, porque elas fazem um espaço de 20m² parecer super amplo. Alguns proprietários colocam a planta do imóvel no anúncio, o que ajuda muito a ter uma noção real do tamanho do lugar.”


6) Nômade digital

 

6 dicas para acertar no airbnb

Debbie e Lisa em Bruxelas

“Como eu preciso de internet para trabalhar, é importante que a velocidade da conexão seja boa. Por isso, sempre peço para o dono da casa me enviar um “speedtest” antes de eu fechar a reserva para saber se a internet no lugar funciona bem.

Já aluguei um imóvel em que a conexão era horrível é por isso eu tinha que sair todos os dias para trabalhar na rua. E é claro que ninguém quer passar por esse perrengue em uma cidade que você acabou de chegar e mal conhece!”

 

Acompanhe as viagens e conteúdos da Debbie pelo Instagram e pelo site.

 

Fim

Veja também

Siga nosso instagram

#omundoédequemvai