Sair ou não sair do aeroporto durante a conexão?

Na hora de planejar uma viagem de longa distância, é comum que a rota aérea inclua uma ou várias paradas até chegar ao destino final. Quando acontece uma escala, estas paradas são mais simples e curtas e o passageiro nem precisa descer do avião. Mas quando acontece uma conexão, o tempo de espera é maior e os passageiros devem descer do avião e esperar algumas horas antes de embarcar em uma nova aeronave para continuar a viagem.

E quando se trata de uma conexão de longa duração, a grande questão é: pode sair do aeroporto? Tudo depende do tempo que você terá disponível.

 

Veja também: 8 dicas para não se perder na hora de organizar a viagem

Conexão curta

Uma conexão curta significa que ela tem duração inferior a 6 horas, o que limita muito a possibilidade de sair para passear, por isso, não é recomendado deixar o aeroporto. Isso porque, quando você sai, ao retornar você terá que passar pela alfândega, imigração e todo o controle de segurança novamente, e isso leva tempo.

Além disso, este voos com conexões mais curtas são mais suscetíveis a alterações de horário, por isso vale a pena estar no aeroporto diante das telinhas para caso aconteça qualquer alteração.

Conexão longa

 

roma europa

 

Se você tiver mais de 6 horas em trânsito, sair do aeroporto para dar uma volta pela cidade pode ser uma boa ideia. A Luiza Brasil, aliás, contou para a gente que só sai do aeroporto quando tem pelo menos 8 horas de conexão. Foi numa dessas que ela conheceu a Cidade do México. Essas escapadas do aeroporto também são bem comuns em viagens para a Europa.

Antes de planejar seu roteiro no local de parada, você deve verificar quais os procedimentos de imigração e requisitos do país em que fará a escala. Isso porque alguns permitem a saída do aeroporto apenas com o visto, que em alguns casos podem ser processados dentro do próprio aeroporto.

 

Veja também: Conexão em Chicago – o que fazer em 14 horas na cidade

 

Com a documentação em mãos, a principal dica para poder sair do aeroporto em voo com escala é: evite perder muito tempo, por exemplo, no transporte entre a cidade que você vai visitar e o terminal.

Calcule bem os tempos de transporte, conheça bem as formas de ir e vir aos locais que deseja visitar, etc. É melhor seguir um roteiro já definido ao invés de começar a perambular por uma cidade que, se desconhecida, pode representar um problema.

Como as bagagens despachadas vão direto para o destino final, caso você opte por ter também uma mala de mão, aposte em modelos práticos e com funcionalidades que te ajudem na locomoção durante a escala. Rodinhas que giram 360 graus são fundamentais.

Ah, e não esqueça de calcular o tempo de alfândega e imigração. Se informe com quanto tempo de antecedência deve retornar ao aeroporto para que dê tempo de passar por todo o controle de segurança de forma tranquila e sem risco de perder seu outro voo.


Veja mais dicas para planejar e organizar sua viagem aqui no guia além!

Tagged , , ,